Pages

segunda-feira, 2 de março de 2009

É triste, porém, conscientizador...



Estarei distante por algum tempo, mas, passarei por aqui sempre que conseguir...

Coisas como estas me fazem criar um tempo onde não tenho.

Retirar um filho apenas porque não o quer?
Porque não foi planejado?
Porque foi estuprada?

Sou a favor de salvar uma vida... Sou contra este tipo de "coisa".

Já vi casos em que a mulher estuprada, ao ver o rostinho do seu filho, (seu filho sim, pois parte dele veio de você!) o amou com tanta força que  até hoje agradece a Deus por não ter cometido um assassinato. Lógico,  têm exceções onde a mulher não tem condições físicas para ter a criança, mas, fora casos especiais, se você não quer um filho, use camisinha, se não quer usar camisinha com seu marido, tome pílula. Como cuidar de sua saúde? Isso sim você tem o direito e dever de escolher!

Agora, se já fez, tem condições físicas de tê-lo e não o quer, não se torne uma assassina, não  tire o direito de uma criança  viver! 
Tenha a criança e logo após seu nascimento, dê para adoção, crianças rescém-nascidas sempre são procuradas para adoção.

Acredito que todos têm o seu direito de escolha, o livre arbítrio, e que ninguém tem o direito de julgar às pessoas "antes da hora", pois cada um acertará suas próprias contas na hora certa. Porém, também acredito que isso não justifica eu ficar quieta e dizer que sou a favor de que algumas pessoas achem que a vida é uma coisa banal. Afinal, a "outra pessoa" nem tem condições de  brigar por seus direitos.

Obrigada a todos pelos comentários que deixaram na postagem anterior. No momento, não estou respondendo, mas sempre que posso, leio a todos.

Beijo, grande!

Lola...


27 comentários:

Mimirabolante disse...

Uma menina de 9 anos,foi estuprada pelo padrasto e agora está grávida de gêmeos......irá fazer um aborto......o que será que ela verá em um exame de ultrassom?conheço outro caso,de uma menina de 12 anos está com um bebê que foi feito nela através de muita violência,tbm um famigerado padrasto......será o aborto neste caso condenável ?????

Daniela Lima disse...

Sou a favor da prevenção acima de qqr coisa, todos os anos dedico um bimestre para falar do assunto com meus alunos... mas, sou a favor do aborto em caso de estupro, abuso sexual e em caso de amncefalia! é isso, mas, respeito a opinião!

Lola disse...

Oi, Mimi,

Saudades...
No caso da menina de 9 anos eu acredito que seja necessário o aborto, os órgãos dessa criança não devem agüentar, principalmente gêmeos... Eu já havia lido sobre esse caso, mas, por alto. Quanto à menina de 12 anos, nesse caso, se ela não correr risco de vida e puder levar a gravidez em frente, teria que ser dada toda uma assistência psicológica a ela, é claro, mas, acredito que a gestação deveria ser levada até o final e logo depois, a criança dada à adoção. A criança que está na barriga dessa menina não tem culpa do que aconteceu, é uma vida, não acho justo cometer um crime para justificar outro!

Beijão, linda!

Lola disse...

Oi, Daniela,

Que ótimo que você dedica um pouco do seu tempo para falar da prevenção, isso é muito importante e pode evitar muita coisa ruim.
Eu tive uma amiga que ao bater uma ultra, teve o diagnóstico de anencefalia, ela não retirou e levou a gravidez até o final, a surpresa foi que o bebê nasceu saudável, sem nenhum problema. E se ela tivesse tirado? Acredito que se a morte for inevitável, que ela ocorra sem a interferência humana, pois você nunca sabe qual é a vontade de Deus. Quanto aos outros casos que você citou, já mencionei que só sou a favor do aborto se a mãe puder morrer em conseqüência da gravidez, pois, como já disse anteriormente, não acho justificável um crime por outro.
Quanto a manter o bebê na barriga e ele morrer, quanto ao sofrimento da mãe, qualquer coisa vale para salvar uma vida, pois, é uma vida, independente da forma que foi concebida. Posso falar disso por experiência própria, fiquei 3 dias com meu bebê morto em minha barriga até poder ser retirado, foi triste, foi muito triste sim, mas, acredito que se eu passasse por isso para salvar uma vida, o sofrimento não teria sido em vão. Infelizmente, no meu caso, tive que fazer uma curetagem para retirar o bebê, pois já estava morto.

Beijo.

Cristiane A. Fetter disse...

Isso tudo é muito triste, mas acredito que a LOla quis se referir a mulheres que abortam simplesmente pq não tiveram o trabalho de se prevenir e acham mais fácil abortar, e não em casos extremos como os citados acima.
Para toda regra existe uma exceção não é? e como exceção tem que ser tratada.
Acredito também que todo ser tem direito ao uso de seu corpo e a seu livre arbítrio, depois ajuste suas dívidas com sua consciência.
bjks Lola

Mimirabolante disse...

Concordo com vcs....acredito na prevenção acima de tudo....acredito no amor ao próximo.....tenho 2 fls......amos demais....agradeço a Deus por eles existirem......Em alguns casos......sou a favor do aborto....ainda que de maneira triste......

Cris disse...

Oi, querida,

Passei para te ver. Espero que esteja bem. Qualquer coisa, é só mandar email . Ou ligar.

beijo e até a volta.

jorginho da hora disse...

Puxa, lola, este assunto é muito,mas muitissimo mais complicado do que se imagina. Caso terrivel.
De qualquer forma, desculpe não ter pintado aqui por esses dias. Depois do carnaval afastei-me um pouco da net. Estou voltando agora.
Depois pretendo conversar mais sobre essa questão do aborto com vc por e-mail.

amail beijos!

Mimirabolante disse...

Lola....vc quer mesmo os vidros?eu posso guardar.....e te entrego como ??????dê os detalhes,me escrevendo um email...bjcas....

Jens disse...

Oi Lola.
Como o Jorginho disse acima, o assunto é complicado. Democraticamente, discordo de ti. Acho que em caso de estupro, a mulher tem o direito de fazer o aborto. Não considero que seja justo obrigá-la a dar luz ao fruto de uma violência terrível e covarde. Quando ao estuprador, acredito que deveria ser castrado química ou cirurgicamente, bem como os pedófilos.
Um beijo.

Mimirabolante disse...

concordo c/ Jens.....ainda mais agora,ao ver o Padre excomungar as pessoas e considerar.....o estupro "leve "......nunca sofri isso....adoro crs....e jamais conheci alguém próximo que tivesse sofrido tão barbaridade....hj,o jornal traz uma reportagem sobre duas irmãs que eram assediadas pelo PRÓPRIO PAI ....o que é isso ?em que mundo vivemos???qual a razão disso tudo ?ontem a reportagem do Globo Reporter foi sobre a violência feminina.....???????????? sem comentários........Viva o Dia Internacional da Mulher ??????

Lola disse...

Oi, Cris,

Você me entendeu!
Se eu pudesse mudar algumas coisas no mundo, eu mudaria, não pediria para não fazerem abortos em crianças de 9 anos, impediria um homem como esse "padrasto" de fazer o que fez... Mas, como não sou Deus, tento apenas deixar que todos tenham o direito à vida, na medida do possível. E o resto, é como você disse, Deus te deu o direito de escolha, se você agiu certo ou errado, é você quem vai prestar conta um dia! Mas, em casos "de pura vaidade ou descuido", continuo pedindo para não serem assassinos, mesmo sabendo que um dia prestarão contas, afinal, se eu puder ajudar a salvar uma vida, eu vou tentar... Nesse caso, acredito que o direito à vida seja maior que o direito de escolha...

Beijo, linda!

Lola disse...

Oi, Mimi,

Agora, acho que você está falando da mesma coisa que eu! :) Só que não digo nem que em alguns casos eu seja a favor do aborto, digo que em alguns casos talvez ele seja necessário...

Beijão.

PS:Quanto aos vidros, quero sim, depois combino com você como pegar.

Lola disse...

Oi, Cris do Brasil,rssss...

Que bom que veio me ver, sinto saudades, graças a Deus, está tudo bem, muita coisa para fazer e pouco tempo... O mesmo vale para você! Se precisar, estou aqui.

Beijo, linda!!!

Tânia Defensora disse...

Oi Lola!
Estou com saudades!
Eu não vi a reportagem sobre o caso mas já ouvi os comentários.
Vamos pensar em coisas boas para essa menina
Tem um selo para vc querida.
Bjus

Anônimo disse...

Olá!
Vim lhe convidar para que conheça o meu trabalho de pintura em camisetas!
Até
http://ramasppfp.sites.uol.com.br/pinturaemcamisetas.htm

Mariá Romano disse...

aah, conciencia *-*

Roy Frenkiel disse...

Lola, discordo. Aborto nao eh assassinato. A questao nao eh apenas emocional e nao se trata de banalizar vidas.

bjx

Roy

Eduardo Miguel disse...

Passei para falar oi e me interar dos posts o mais recente é pesado como o próprio tema mas talvez necessário ser encarado de frente como o faz corajosamente!
Se cuida e não se esqueça não há mal que dure ou bondade que perdure portanto altos e baixos só parte do todo...
Abraço grande e muita força!

Carla Beatriz disse...

Não adianta, eu sou e sempre serei CONTRA o aborto. Quando vejo imagens como essa não consigo ser a favor do aborto, de jeito nenhum!

A propósito, Lola, obrigada pelo apoio!

Estou aproveitando estes dias que estou em casa para ser mãe em tempo integral. ;-)

Beijos

BarbieGirl disse...

Bom... cada um com sua opinião!
Aborto é um assassinato, EXCETO em casos de estrupo, o caso da menina de 9 anos, uma criança!
Agora, se uma pessoa engravida hoje é porque quer! O que existe por aí em modos de prevenção não está no gibi e camisinhas são distribuídas de graça em postos de saúde... portanto também acho um crime, matar uma vidinha que não pediu para vir ao mundo!

beijos

Verde que te quero ver-te. disse...

Olá Lola.
Sempre tive vontade de montar um projeto de educação ambiental, educação moral e/ou sexual. Eu não conhecia este vídeo, mas já tinha assistido alguns relatos e visto fotos de alguns abortos... Enfim... Impactantes. Negativos demais...
E hj, agora, me deu mais vontate ainda de montar um proj de conscientização, controle de natalidade, educação sexual, ... Algo, sabe? Vivo próximo de uma comunidade carente e o que vejo são crianças gerando outras crianças ou então abortando outras tantas...

Enfim... Me estendi demais...

Grande abraço.

Isabel.

Cris disse...

Oi, querida,

Passei para matar as saudades.

pessoalmente sou contra o aborto. mas respeito as decisões e as escolhas individuais.É o Livre arbítrio.

beijo, garota

luzdeluma disse...

Lola, não dá pra radicalizar! Se eu falar que sou contra, logo em seguida abrirei exceções.
Acredito que somos abençoados por Deus quando fecundamos nossos óvulos. Acredito também que existam pessoas que não possuem o pensamento cristão e agem irresponsavelmente até mesmo contra a própria vida. Sim, muitas mulheres morrem ao abortar.
Prevenção é a solução. Quem é instruído pode fazer uso da pílula do dia seguinte ao ser vítima de estupro, mas daí em casos de crianças, entram outros ingredientes que inibem a administração, até mesmo em quem confiar.
Na verdade, ninguém quer abortar - o aborto não é a primeira saída e sim a última. O grito de desespero. Eu entendo muitos casos que levam a pessoa a abortar, pessoalmente sou contra.
Estou aguardando o seu retorno! Beijus

BarbieGirl disse...

Lolaaaaaaaaaaaa, mtooo sumida!!

Bom vc n poderia estar de fora, tem um selinho para ti meu blog, espero que goste!

beijos

Mimirabolante disse...

oi,sumida.....tem um "mimo "para vc lá em casa...apareça qd for possível...bjcas.....

Rico B. disse...

Lola, penso que cada um sabe o que é melhor para si. Acho também que cada caso é um caso. Não saberia padronizar uma opinião do tipo "sou contra ou a favor". Abs!